sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Capitulo 19 - He's Got No Conscious



Apartamento de Demi
Demi On

Miley e Lucy finalmente chegaram e eu poderia finalmente desabafar com elas.

- Demi o que aconteceu? - Lucy perguntou vindo me abraçar ao me ver chorando, Miley ficou de pé no meio da sala, parecia inquieta.
- Ele terminou comigo, o que nem tínhamos oficializado ainda. - Disse em meio a soluços.
- Talvez foi pra melhor Demi. - Miley disse vindo se sentar ao meu lado, direito, Lucy estava sentada no lado esquerdo.
- Por que você tá dizendo isso? - Perguntei confusa, ela não deveria me apoiar nessa situação.


- Eu estava na casa do Nick e, vocês lembram de um programa de reconhecimento facial que ele criou?
- Sim. - Eu e Lucy respondemos.
- Então ele comparou o Joseph com o Adam e deu 90%, mas eu disse para ele esquecer, porque você tinha certeza que ele não era o Joseph, mas dai ele criou uma nova versão do programa, mas atualizada e inovadora que deu 100% que o Adam era o Joseph. - Miley explicava tudo e eu só conseguia pensar que ele estaria ferrado se isso vazado, mesmo depois dele praticamente me chutar eu ainda me preocupava com esse idiota.
- Eu sei. - Disse apenas e as duas me olharam incrédulas.
- Você sabia que o Adam era o Joseph esse tempo todo? - Lucy perguntou sem acreditar.
- Não o tempo todo, eu estava desconfiada no começo como vocês podem se lembrar, e quando eu confirmei que ele era mesmo o Joseph eu não podia contar pra ninguém. - Esclareci.
- Porque não? - Miley disse alterada. - Ele é um criminoso!
- Porque ela esta apaixonada por ele, você não consegue ver? - Lucy se apressou em dizer antes que eu pudesse abrir a boca. - Ela protegeria ele até no inferno se precisasse... Espera. Joseph estava no apartamento de Ian hoje mais cedo. Será que Ian sabe que ele é Joseph e não Adam?
- Eu não sei, mas se ele sabe a verdade...
- Ele é um criminoso também! - Lucy concluiu me interrompendo.
- Eu não sei o que fazer, eu preciso avisar o Joseph!
- Acho que você não vai poder protege-lo dessa vez...
- Como assim Miley? - Perguntei preocupada, mesmo sem entender.
- O Nick enviou os resultados do programa para o governo, em algumas horas, ou talvez minutos, contando o tempo de eu vim do apartamento de Nick, para aqui, Joseph já deve estar sendo caçado. - Miley explicou.
- O QUE? Por que ele faria isso? É o próprio irmão irmão dele! - Me levantei do sofá e peguei meu celular. Eu iria avisar Joseph.
- Demi, o que você tá fazendo? Você é uma agente federal, não pode ajudar um criminoso! - Lucy me alertou.
- Eu não ligo Lucy! Droga! Eu não posso deixar ele ser preso para sempre ou pegar cadeira elétrica! - Tentei explicar. - Nick não tem consciência do que fez...

"O numero que você ligou não atende no momento, ou não existe."

Droga! Ele deve ter mudado o numero. Eu não poderia mais falar com ele, mas se ele mudou o numero ele já deve estar por dentro de que pode ser preso a qualquer momento. O negocio era esperar por alguma noticia, mesmo que eu saiba que ela não viria depois da nossa briga. Ele tenta me matar e eu estou o protegendo... Nunca vi maior ironia.

- Demi, desculpa eu tenho que ir. Ian tem que me explicar se ele tá por dentro disso ou não. - Lucy disse se levantando e vindo me abraçar.
- Tudo bem, Miley se quiser ir encontrar com Nick, pode ir, eu vou ficar bem, não vou fazer nada, prometo.
- Tudo bem, eu vou lá. - Miley disse também vindo me abraçar.

E logo eu estava sozinha naquele apartamento.

Com Joseph

Bati na porta de Ian e ele abriu na mesma hora. Entrei rapidamente.

- Aqui, celular que não pode ser rastreado, nova identidade, passaporte, e eu criei uma nova conta para você na frança, aqui sua passagem, e tem também 5 mil dólares dentro desse envelope. - Ele me entregou tudo.
- Obrigada Ian, você é um amigo e tanto. - Agradeci lhe dando um abraço.
- Vê se não demora a aparecer. - Ele riu retribuindo ao abraço.

Me separei e já estava indo embora quando uma musiquinha irritante soou da televisão.

"Plantão Internacional. O criminoso Joe Jonas esta vivo! Informação do governo mostra que ele tem se passado como um agente todo esse tempo. Atenção, bloqueei todos os aeroportos, estação de trens e rodoviárias. Joe Jonas não pode sair dos Estados Unidos."

- Como você vai passar por toda essa segurança? - Ian perguntou preocupado.
- Eu não vou. Não tem como eu sair, eu tenho que ficar até a poeira baixar. - Expliquei.
- Pode ficar aqui se quiser.
- Não, eu tenho um lugar melhor.

Sai as pressas do apartamento de Ian, o elevador estava demorando então fui pelas escadas mesmo, vários lances de escadas depois eu finalmente cheguei ao térreo, passei pelo porteiro e quando estava saindo do prédio esbarrei com uma mulher.

- Desculpa! - Disse continuando meu caminho, meu carro estava do outro lado da rua.
- Joseph? - A mulher perguntou. Me virei e era Lucy.

Ela não disse mais nada, apenas me encarou, ela parecia confusa. Mas eu não tinha tempo de explicar nada. Me virei e continuei andando quase correndo até chegar ao meu carro. Entrei, coloquei o cinto e dei partida.

Lucy On

Eu não sabia o que pensar... Joseph aqui de novo. Ian estava envolvido com os crimes? Eu estava tão confusa, ele me disse que estava escrevendo um livro. Bati em sua porta, mas ele não atendeu, então peguei a chave reserva que ele deixava embaixo do tapete e entrei.

- Ian? - Chamei, mas não ouve resposta.

Procurei por todo o apartamento, mas nada, já estava desistindo quando escutei um barulho vindo da parede da sala. Foi bem baixo, mas eu consegui ouvir claramente. Prendi minha respiração não querendo que nada atrapalhasse minha audição. E outro barulho, mais alto que o anterior.

Caminhei até a parede e procurei por alguma coisa diferente, e quando empurrei um dos quadros da parede para a direita a parede se abriu para o mesmo lado. No quarto tinha varias telas de computador espalhadas por uma bancada em formato de U, e Ian estava sentado em uma cadeira mexendo em praticamente todos os computadores ao mesmo tempo. Ele usava fones de ouvido, por isso não me ouviu chamando.

Prestei atenção na tela de um dos computadores que ele não estava usando e notei que o papel de parede era uma foto minha. Eu fiquei feliz, mas minha tristeza e decepção não deixaram a felicidade prevalecer. E antes que eu pudesse ir embora dali de vez, ele tirou os fones de ouvido se virando para pegar um papel, e parou quando me viu.

- Lucy o que você tá fazendo aqui? - Ele perguntou se levantando e tentando se aproximar, mas a cada passo que ele deu em minha direção eu dei dois para trás.
- Você não é um escritor é? - Ele respirou fundo \antes de negar com a cabeça. - Você é um criminoso como Joe? Vocês trabalham juntos é por isso que ele estava aqui?
- Lucy...
- RESPONDE IAN!
- Sim. Ele é um amigo de infância, e trabalhamos juntos. - Ele suspirou, desistindo.
- Você já matou alguém? - Eu precisava saber quem ele era de verdade.
- Não. A minha parte é só na tecnologia, eu sou tipo um hacker. - Ele deu um passo na minha direção, mas eu não me afastei. O que o deu confiança de se aproximar mais, até estarmos frente a frente.
- Alguma coisa do que vivemos foi real? - Perguntei, com o nariz ardendo e as lagrimas não viam a hora de cair.
- Lucy, tudo o que vivemos foi real, eu só não te disse o meu trabalho de verdade, mas eu estou mesmo escrevendo aquele livro. - Ele segurou meu rosto perto do seu, me olhando nos olhos. - Eu estou apaixonado por você.
- Eu estou apaixonada por você também Ian... Mas isso muda tudo. - As lagrimas começaram a cair como avalanches pelo meu rosto.
- Não precisa mudar. - Ele disse enxugando minhas lagrimas e se aproximando mais ainda até nossos lábios finalmente se tocarem em um beijo simples que logo se tornou urgente.

Por mais que eu queira ficar nos braços de Ian para sempre, eu tinha minha integridade e era do F.B.I. Não podia ficar com Ian do jeito que eu queria, por mais que meu coração dissesse que sim.


Oi amores, desculpa a demora. Mas ai está, o penúltimo capitulo da Fic. Mas para os leitores que amam Criminal, não se preocupem pois vai ter a segunda temporada. As coisas esquentaram muito nesse cap e no próximo iram explodir! Beijos e até!

3 comentários:

  1. AHHHHHHHHHHHHHH...
    OMG...
    PENÚLTIMO, JÁÁÁ???
    Ainda bem que vai ter outra temporada...
    PRECISO DE MAAAAIS...
    Posta Logo..u.u
    Beijones

    ResponderExcluir
  2. Posta logo pfv
    Bjs J.A

    ResponderExcluir
  3. Heeey, leitora nova na área.
    Nossa, eu amei a sua fic! Ela é super emocionante e cheia de cenas de ação e eu adoro isso :D Ainda mais que tem Niley ♥♥♥♥♥ sou apaixonada por esse casal kkkkkk
    Posta logo, ok?
    Beijos!

    ResponderExcluir